Blogue interativo onde se pretende responder a perguntas frequentes de Língua Portuguesa.

Envie dúvidas para:

portuguescorrecto@gmail.com

Este blogue recomenda:

Pontapés na Gramática - www.wook.pt

Ligações


contador de visitas

Parcerias

arquivos

Setembro 2014

Agosto 2014

Junho 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Agosto 2011

Janeiro 2011

Julho 2010

Fevereiro 2010

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

blogs SAPO

subscrever feeds

Quarta-feira, 7 de Março de 2012

O que são falsos amigos?

Um falso amigo é o pior dos inimigos, pois contamos-lhes os  nossos segredos, partilhamos intimidades, enfim, “baixamos a guarda”. Porém, como diz o ditado “mantenha os seus amigos por perto e os seus inimigos mais perto ainda”, então, se os falsos amigos são os piores inimigos, esses são os que temos que manter mais perto para que possamos conhecê-los melhor e estar em condição de contra-atacar de modo a frustrar os seus planos quando nos forem apunhalar pelas costas.

Falso amigo é assim o que chamam muitas línguas (espanhol, inglês) ao que designamos por falsos cognatos. São palavras que parecem ser uma coisa em outra língua, mas não o são. Mantenha os falsos cognatos mais próximos de você do que de qualquer outra palavra. Ou seja, conheça-os melhor do que qualquer outra palavra. Fale-os, leia-os, escreva-os e ouça-os mais do que qualquer outra palavra no idioma que deseja aprender. Mas, cuidado, use-os com sabedoria (ou seja, no sentido correto) ou todos esses conselhos de nada valerão e ainda ficará vulnerável à traição. Por isso, há por vezes contaminações dessas palavras relativamente à nossa língua.

São questões que também pode aprender ao frequentar uma aula de inglês em Goiânia ou uma aula de inglês em Natal ou em qualquer outro lugar.

Eis alguns exemplos de falsos amigos:  actually ( na verdade e não atualmente), to pretend (fingir e não pretender), exquisite(requintado e não esquisito)

publicado por PN às 23:00

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

pesquisar

 

tema

"de forma que” ou “de forma a que”

"façamos" e "possamos" (pronúncia de)

à

à bocado ou há bocado; à pouco ou há pou

a cerca de

à falta de/ há falta de

a fim ou afim

a herpes ou o herpes

á ou há

à parte ou aparte

à pouco ou há pouco

a ver ou haver

à vontade ou à-vontade

à/há/a

abreviaturas

abstenção ou abstinência

acerca de

acerto ou asserto

acessibilidade ou acesso

acordo ortográfico

açoreano ou açoriano

adesão ou aderência

adjectivos

ah

album ou álbum

alcoolemia ou alcoolémia

aldeão (plural de)

aluga-se ou alugam-se

alugar ou arrendar

amaríssimo

analisar ou analizar

andar ou andarem (infinitivo impessoal o

anteontem ou antes de ontem

antes de mais ou antes demais

aonde ou onde

apesar de a ou apesar da

apetência ou aptidão

aprender e apreender

apresentar-se-à ou apresentar-se-á

arrolhar ou arrulhar

ás ou às

assoar ou assuar

astigmatismo ou estigmatismo

atractivo ou atraente

atraem ou atraiem

aula de inglês em natal

bêbado ou bêbedo

bem haja/ bem aja/ bem hajam

benvindo/ bem-vindo

bilião

blogómetro; top 10

boas festas ou boas-festas

bocal ou bucal

bolçar ou bolsar

ç

c

caber ou couber

caem ou caiem

calçar ou vestir luvas

cartuxo ou cartucho

cérbero ou cérebro

cerrar ou serrar

chamar a/ à atenção

cheque ou xeque

círculo ou ciclo vicioso

climático ou climatérico

clínico geral (feminino de)

cobarde ou covarde

côco ou coco

com nós ou connosco

com ou sem "h"

concertar ou consertar

concerteza ou com certeza

concerto ou conserto

concordância com "o número de"

conjugação pronominal

consolado ou consulado

consolar ou consular

convidamo-vos ou convidamos-vos

cor ou côr

corrector ou corretor

costear ou custear

costeleta ou costoleta

cota ou quota

currículo ou curriculum

de que

de repente ou derrepente

decerto/ de certo

decorrer ou decorrimento

defenida ou definida

deferir ou diferir

degradado ou degredado

demais ou de mais

desapercebido ou despercebido

desfolhar ou folhear

desfrutar ou disfrutar

desmentimento ou desmentido

pronomes

tacha ou taxa

ter de ou ter que

todas as tags