google.com, pub-7363809219244122, RESELLER, f08c47fec0942fa0

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Em Português Correcto

Blog interactivo onde se pretende dar resposta a questões sobre o português falado e/ ou escrito

Com ou sem hífen?

A língua portuguesa, como qualquer língua viva, está sempre a evoluir. Enquanto algumas palavras vão caindo em desuso e desaparecem, muitas outras surgem. E este nascimento de novas palavras, muitas vezes formadas a partir de outras, causa-nos dúvidas na escrita.
A colocação ou não de hífen é um dos problemas que nos surgem com frequência. Esta dificuldade pode ser atenuada se conhecermos algumas regras.
 
1.      Auto-estrada ou autoestrada? Infra-estrutura ou infraestrutura?
 
O prefixo auto exige hífen quando o segundo elemento é independente (uma palavra com significado próprio) e começa por uma vogal, h, r ou s. Assim, escrevemos auto-estrada, mas escrevemos autobiografia. A mesma regra aplica-se a outras palavras formadas com os elementos gregos: “contra”, “extra”, “hetero”, “infra”, “neo”, “proto”, “pseudo”, “supra” e “ultra”. Por isso, enquanto o Acordo Ortográfico de 1990 não entrar em vigor, devemos escrever:
 
  • Hetero-avaliação 
  • Neo-republicano
  • Infra-estrutura
  • Supra-renal
 
Mas:
 
  • Neologismo
  • Pseudónimo
  • Supranumerário
 
2. Mal-criado ou malcriado?
 
O prefixo “mal”só se separa se o segundo elemento começar por vogal ou h.
Portanto, escreve-se malcriado, mas mal-educado.
A mesma regra aplica-se com o prefixo “pan”, como por exemplo em pan-helénico.
 
3. Superhomem ou super-homem?
 
Com “hiper”, “inter” e “super” aplica-se hífen antes de h ou r como em super-homem, inter-regional ou hiper-ridículo.
 
4. Sub-urbano ou suburbano?
 
Palavras formadas com “sob” ou “sub” têm hífen antes de b, h ou r. Daí que se escreva suburbano, mas sub-reino e sob-roda.