google.com, pub-7363809219244122, RESELLER, f08c47fec0942fa0

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Em Português Correcto

Blog interactivo onde se pretende dar resposta a questões sobre o português falado e/ ou escrito

Regras de uso do hífen com prefixos e radicais. – 2

No artigo anterior vimos que se separam com hífen da palavra primitiva os prefixos acentuados como acontece com a palavra “pré-aviso” e outras regras.

Como esta é uma questão complexa e que suscita muitas dúvidas, deixo-vos um quadro com os principais prefixos e as regras quanto ao uso ou não de hífen.

 

Prefixo

Separa-se

Não se separa

Ab-

Ad-

Ob-

Sob-

Quando o 2.º elemento começa por um r. Exemplos: ab-rogar; ad-rogar; ob-reptício; sob-roda

Todos os outros casos: abdicar,  abjurar, adjacente, advir, obcecação, obturar; sobposto…

Ante-

Entre-

Sobre-

Quando o 2.º elemento tem vida própria e começa por h. Exemplos: ante-histórico; entre-hostil; sobre-humanizar

Todos os outros: anteceder; anteproposta, anteontem, antessala, entreaberto, entrelinha, sobreaviso…

Anti-

Arqui-

Semi-

Quando o 2.º elemento tem vida própria e começa por h, i, r ou s. Exemplos: anti-histórico, anti-ibérico, anti-racional, arqui-secular; semi-recta

Todos os outros: antiaéreo, antiespiritual, arquitrave; semiaberto, semiconsciente…

Auto-

Com-

Contra-

Extra-

Infra-

Intra-

Neo-

Proto-

Pseudo-

Supra-

Ultra-

Quando o 2.º elemento tem vida própria e começa por vogal, h, r ou s. Exemplos: auto-acusação, auto-retrato; com-hospedado; contra-resposta; extra-escolar; infra-som; intra-arterial; neo-romântico; proto-renascimento; pseudo-intelectual; supra-renal; ultra-humano

Todos os outros: autobiografia; comporta; contrabando; extracomercial; infravermelho; intracelular; neoclássico; protoplasma; pseudociência; supranatural; ultramoderno…

Bem-

Quando o 2.º elemento começa por vogal ou h, ou consoante mas com perfeita evidência de sentido. Exemplos: bem-aventurado, bem-educado, bem-humorado

Todos os outros: bendizer, benfeitor…

Circum-

Quando o 2.º elemento começa por vogal, h, m ou n. Exemplos: circum-navegação

Todos os outros: circumpolar, circunvalação…

Co-

Quando tem o sentido de a par e o 2.º elemento possui vida própria. Exemplos: co-arguido, co-inquilino

Outros: coexistência, coincidência…

Ex-

Quando tem o sentido de estado anterior ou cessamento. Exemplos: ex-ministro, ex-marido

Outros: exportar, expelir…

Hiper-

Inter-

Super-

Quando o 2.º elemento tem vida própria e começa por h ou r que não se liga foneticamente ao r anterior. Exemplos: hiper-humano, hiper-rugoso; inter-racial; super-homem

Outros: hipermercado, hipertensão; interacção, interregno; superprodução…

Mal-

Pan-

Quando o 2.º elemento tem vida própria e começa por vogal ou h. Exemplo: mal-educado, mal-humorado; pan-americano

Outros: malcriado, maldisposto; pangermanismo…

Sem-

Quando na sua pronúncia se ouve “ãi” e o 2.º elemento tem vida própria. Exemplo: sem-número, sem-sabor

Outros: sensabor, senfilista…

Além-

Aquém-

Pós-

Pré-

Pró-

Recém

Separa-se sempre porque tem acento gráfico. Exemplos: além-mar, aquém-fronteiras; pós-guerra; pré-história; pró-forma; recém-casado